15 Out
Vinhos
99 Visualizações
0 Comentários

APENO representa em Portugal a Wine & Spirit Tourism International Trade Fair

Cientes de que o Enoturismo português passa pela internacionalização, a APENO firmou um protocolo com a WST, uma feira dedicada exclusivamente ao Enoturismo que será realizada todos os anos em Reims (França), sendo a primeira edição de 12 a 14 de março de 2023. Organizada por reconhecidos empresários franceses do mundo do Vinho e do Turismo, o evento tem a ambição de se tornar a maior feira internacional dedicada ao setor.  

Nesta primeira edição a WST pretende receber 300 expositores de 25 países produtores, entre os quais adegas e destilarias, agências de viagens, organismos de turismo, hotéis, entre muitas outras empresas que se dediquem ao Enoturismo. Uma feira profissional que espera a visita de mais de 1000 compradores de cerca de 25 países.

Com um conceito novo, dinâmico e promissor, a WST conta com o apoio de vários players chave do setor, entre os quais Hervé Novelli, Presidente do Conseil Supérieur de l’Œnotourisme e ex-secretário de Estado do Turismo. «Este é um projecto ambicioso, um projecto que completa e amplifica a dinâmica do enoturismo nos últimos anos. Só posso dar as boas-vindas e apoiar a iniciativa», afirma Hervé Novelli.

Alain Marty, reconhecido empresário catalão formado pela escola de negócios IPAG da Paris-Business School e fundador do Wine & Business Club – prestigiado clube de líderes empresariais da Europa – é também um reconhecido autor de livros e o presidente da Wine & Spirit Tourism International Trade Fair (WST).  Na sua obra «Wine & Spirits – Turismo na França e no Mundo» (Eyrolles Editions), Alain Marty afirma que «em 2025, o número de enoturistas é estimado em 100 milhões por ano no mundo para um volume de negócios de US $ 44 bilhões gerado». Foi para responder a este mercado florescente, que decidiu avançar com a criação da WST, uma feira global anual inteiramente dedicada ao Enoturismo.

«Já há algum tempo que a APENO procurava o parceiro certo para internacionalizar os enoturismos portugueses, mas a oferta existente não nos agradava. Finalmente descobrimos um projeto com o qual nos identificamos e consideramos que será a feira internacional de referência, quer pelo conceito, quer pela localização, quer pelas pessoas envolvidas», afirma o economista e vice-presidente da APENO, Luís Souto, que ficará responsável pelo departamento comercial do evento em Portugal, quer ao nível das inscrições, quer ao apoio à participação na WST.

Além da representação exclusiva em Portugal, a APENO estará também a cargo da promoção da feira em Portugal.

Informações e inscrições lsouto@enoturismodeportugal.pt

Site da feira aqui.

Fonte: www.agronegocios.eu

Link Notícia